Stop

Essências Artémis

Essência da pessoa que está em busca de si mesma, da comunidade em que se quer inserir e de construir relacionamentos harmoniosos com o seu entorno.

Conhecida também como ervilha doce, tem origem na Sicília, Italia, descrita por um monge franciscano em 1697. Ervilha ornamental traz com ela informação popular de que as sementes semeadas antes do nascer do sol no dia de São Patrício terão flores maiores e mais perfumadas.

Como essência vibracional, a Ervilha-de-Cheiro tem sido tradicionalmente usada para a ancoragem daquelas pessoas que não se sentem muito á vontade no planeta, que tem dificuldade em entrosar e compartilhar quem são, pessoas criativas e de almas doces, que não se sentem aceites e acolhidas pelos outros, tendo assim dificuldade em reconhecer a sua beleza e os talentos que podem oferecer ao mundo. 

Esta Ervilha-de-cheiro particular revela toda uma outra vertente complementar àquela, que se conecta com o ato de dar à luz, com a cura das memórias geneticamente transmitidas pela mãe ao feto e com a cura do seu próprio nascimento, sustentação da mudança de estado, acolhimento, proteção, esperança.

Conecta-se com a doçura e amorosidade, o conforto que aquece e nutre, a confiança e a segurança física necessária num ato procriador, o estar totalmente presente em cada célula espelhando estabilidade emocional e serenidade ao nível da alma. A “casa” da criança muda, quando sai do aconchego uterino para a vida “externa”: encontrar o lugar aonde pertencer, encontrar o suporte no novo espaço, sentir as novas “paredes” que o contem e protegem sem que a transição seja aterradora e stressante, sem que o bloquear e o recusar a experiencia nova sejam uma opção que o “amarre” por muito tempo ao medo de se doar e de receber.

Esta essência floral, desperta dentro a energia de comprometimento e amparo que conecta o ser com o planeta onde vai habitar dali em diante, o sentir-se confortável e sustentado pelas raízes que o amparam e aconchegam no seu nascimento: um forte compromisso com a comunidade, com a capacidade de formar raízes sociais profundas, enquanto se sente confortável no Planeta por conseguir encontrar o seu lugar na Terra. 

A ervilha-de-cheiro é a essência da pessoa que está em busca de si mesma, da comunidade em que se quer inserir e de construir relacionamentos harmoniosos com o seu entorno. É muito útil também para aquelas pessoas que viajam muito, seja a negócios ou em lazer, que mudam constantemente de casa, pessoas sem-teto, que se deslocam de uma comunidade para outra em busca um lugar para chamar de lar mas que não conseguem envolver-se de verdade e que em última análise, procuram a sua casa na Terra e sentir um sentimento de pertença, ao integrar a sua própria singularidade no espaço comunitário mas também onde possa contribuir para o bem-estar da comunidade. Às vezes tudo o que é necessário é desacelerar o tempo suficiente para conectar-se com o que já está ao seu redor. Chacras Raiz e Coração, também equilibra outros chacras. 

A Essência Artémis «Ervilha de Cheiro» é potenciada por:

  • Potência: Cristal de Quartzo Biterminado Purificar, Fluir, Harmonizar

    Recarrega as energias em todos os aspetos (físico, mental, emocional, espiritual) e a sua função nas essências florais é a de amplificar e estabilizar a energia curativa da essência floral, criando sinergia das suas virtudes e poderes de cura que ASSIM SE AMPLIFICAM MUTUAMENTE. É um potencializador das essências de flores.

  • Potência: Pedra Aluada Pedra do Feminino e do Reequilíbrio

    Pedra da energia feminina (yin) e do reequilíbrio hormonal, da mulher e dos órgãos femininos, necessária à harmonização do excesso de energia yang-masculina. Acorda a energia protetora e intuitiva bem como a sensibilidade que aporta paz e harmonia.

« voltar