Stop

Essências Florais Bach Cactus Fes Cogumelos Bush Australiano Orquídeas: Amazónicas Dancing Light Europeias Living Tree

Efeitos positivos: A essência de Consciência Dévica leva a uma experiência expandida com os elementos, para a essência da natureza á sua volta. Consciência de que todos os aspectos da vida são inteligentes, fulgurantes, cintilantes, vibrantes de força, energia de vida e inteligência cósmica criativa.

Indicações: Falta de consciência de que todas as coisas manifestadas são vivas e possuem inteligência própria e única, assim como a habilidade para comunicar com aqueles que tem a capacidade de escutar a partir de dentro. Para o desejo de viver em relação luminosa com os elementos da natureza.

Qualidades:
A essência da Consciência Dévica conecta com a consciência elemental da força de vida dentro de nós e á nossa volta. Todos os aspectos da vida são inteligentes, cintilantes, vibrantes de força, energia de vida e inteligência cósmica criativa.
A que nível pretendemos estar conscientes...? Coloque aí a sua atenção, então. Luz elemental. Som elemental. Movimento elemental. Respiração elemental. Muita dessa consciência é puramente sensitiva, muito para além dos pensamentos que a mente pode captar. Deixe a experiência conduzi-lo... porque em última análise haverá um aprendizado para o seu mental. Quer expandir a sua consciência para sentir a natureza, a vida e a consciência daquilo que o rodeia? Esta essência pode mudar as formas segundo as quais percepciona o mundo á sua volta. A Consciência Dévica é o Ser Essencial que em si habita e que reconhece a sua conexão com as forças elementais da natureza.
O que é ouve, quando se senta á beira de um riacho que nunca ouviu antes? Quão profundamente se permite entrar na sua própria respiração? Até onde se permite ir na sua consciência, que não se deixou ir antes? Permita-se flutuar em estados subtis de consciência, porque todo o tangível tem a sua origem nos reinos subtis. Esta essência é a chave para uma viagem; use-a para se tornar amigo dos seres da natureza com os quais convive diariamente. Use-a para ultrapassar os seus pontos de bloqueio, para ancorar naqueles lugares escondidos do outro lado das suas percepções. Não espere nada específico, mas permita que tudo seja possível. Tome atenção do momento em que o seu estado de consciência se altera, sem a sobressaltar com a surpresa. Será que esta essência possibilita sustentar as experiências subtis...?
Permita que a Consciência Dévica o conduza para uma experiência expansiva com os elementos, para a essência da natureza á sua volta. Abra o seu coração, abra a sua mente. Há sempre algo para o qual somos cegos; para além daquilo que vê, há outros níveis de interactividade, de organização. È uma dança de luz, uma dança de formas pensamento e vontade, que trás a forma á vida. Para essas energias, a vida tem uma forma que não é tão firme como madeira, pois a forma existe em miríades, infinidade de níveis. A forma pode ser somente luz cintilante. Quanto menos concreta a forma manifestada, mais fácil se torna o movimento, como um bambu capaz de dobrar sem quebrar. Mantenha os seus conceitos como bambus, para que não se tornem rígidos. Deixe as suas ideias fluir como água. Um rio pode até mudar o seu curso, mas é contido pelas margens e mesmo estas, ele vai alterando constante e lentamente durante o seu fluir.
A Consciência Dévica é uma dança para dentro de si mesmo, uma expressão sempre mutável dos elementos da criação, a interacção da essência de vida em conexão com a intenção ou a vontade. Vá suficientemente longe e tocará o seu Eu essencial. Aproxime-se da forma e aí encontrará a vasta tela da criação nascida do encontro da intenção com o manifestado. Viva cada dia em relação com a luz, e o manifestado será o espaço de novas descobertas.
Aquilo que tem nas suas mãos é concreto para si, mesmo que do grande mistério tenha nascido. Qual é a sua relação elemental com isso? A sua caneta e o papel são veículos para a expressão dos seus pensamentos. O seu cérebro, o seu corpo, são motores habilidosos com os quais pode escrever, são as suas ferramentas. Os seus pensamentos são formas subtis do seu ser manifestado. A sua consciência contem os seus pensamentos, sustenta-os da mesma forma que você segura na sua caneta e os seus pensamentos flúem através dela, para o papel. A palavra Deva é sânscrito e significa "o Iluminado" , a essência de Luz Infinita, a dança e o dançar do Ser Infinito.

« voltar